top of page

Direitos humanos e diversidade: como as empresas podem se beneficiar de uma cultura inclusiva e responsável

A Coluna do Membro de hoje traz o tema direitos humanos e diversidade em dose dupla: os membros Lucas Dezem e Isis Dias explicam o papel das empresas na luta por uma cultura corporativa mais inclusiva. Vem conferir:




Ilustração de várias silhuetas de pessoas de diversas etnias.



O que são os Direitos Humanos


Os direitos humanos e a diversidade são conceitos interligados que se referem à garantia da dignidade, da liberdade e da igualdade de todas as pessoas, respeitando suas diferenças e singularidades. Esses conceitos são fundamentais para o desenvolvimento do direito contemporâneo e para as práticas empresariais responsáveis e sustentáveis. 



E qual é o papel das empresas?


As empresas que promovem os direitos humanos e a diversidade em seus ambientes de trabalho podem obter vantagens competitivas, como maior inovação, criatividade, produtividade, reputação e lealdade do cliente. 


Além disso, as empresas que ignoram ou violam os direitos humanos ou a diversidade podem enfrentar consequências negativas, como danos à imagem, perda de mercado e processos judiciais.



Destaques positivos e negativos em empresas


Alguns exemplos de empresas brasileiras que se destacam por suas ações de direitos humanos e diversidade são Magazine Luiza, Natura e Itaú Unibanco, que foram premiadas pelo Época NEGÓCIOS 360°.


Por outro lado, alguns exemplos de empresas internacionais que enfrentaram problemas por suas falhas em relação aos direitos humanos e à diversidade são Tesla, Facebook e Uber, que foram alvo de críticas, boicotes e ações judiciais.



Conclusão


Portanto, os direitos humanos e a diversidade são valores estratégicos para as empresas, que devem adotar políticas e práticas que valorizem a pluralidade e o engajamento de seus colaboradores, contribuindo para uma sociedade mais justa, inclusiva e democrática.




Quem são os autores?


Lucas Teixeira Dezem é:


  • Advogado especialista em Direito Civil, Direito Tributário e Direitos Humanos

  • Mestre em Direito

  • Doutorando em Direitos Coletivos e Cidadania

  • Foi Presidente da Comissão de Diversidade Sexual e Gênero da 12ª Subseção da OAB/SP

  • Professor de Direito Tributário na FACESB/SP

  • Instagram: @tonsdedireito



Isis Gabriella Dias é:


  • Estudante de Direito

  • Líder de projetos focados em direitos humanos e diversidade nas escolas, compreendendo e prevenindo abuso sexual infantil, além da responsabilidade civil na adoção de animais.

  • Familiarizada com a Lei de Improbidade Administrativa e as Vulnerações aos Direitos Humanos, bem como a responsabilização empresarial brasileira diante dos padrões internacionais de compliance. 





Escreva para a Coluna do Membro


Esse texto faz parte da Coluna do Membro: projeto da Septem que coloca a sua expertise em evidência aqui no nosso Blog - e ainda traz informação para a nossa audiência.


Quer participar? Envie seu texto para a Septem clicando aqui.


E para fazer parte da nossa família e ter acesso completo aos +200 conteúdos disponíveis na nossa plataforma, networking com +5.000 membros e vagas exclusivasclique aqui.



Até a próxima 👋

Comentários


bottom of page