top of page

Carreiras no Direito que não precisam da OAB

Atualizado: 12 de jul. de 2023

O Direito é um universo muito, muito grande (e com muitas possibilidades). Entre todos os caminhos jurídicos que você pode seguir, alguns deles não vão te exigir estar inscrito (a) na OAB. Se é isso que você procura, vem com a gente conhecer algumas opções além dos clássicos cargos públicos e carreira acadêmica:



Moça trabalhando ao computador, atrás da estátua da deusa da liberdade, que simboliza o Direito.

  • DPO


O DPO, ou Data Protection Officer, atua na área de Proteção de Dados, normalmente em empresas. A função mais comum desse profissional é a de preparar a empresa para um programa de compliance que a ajude a proteger melhor seus dados internos. Aqui na Septem, já trouxemos um curso completo sobre o assunto (LGPD III: DPO na Prática), com a professora e head de proteção de dados, Bárbara Camargo.



  • Correspondente Jurídico


O correspondente jurídico é responsável pelas funções administrativas de um escritório de advocacia, como: realizar consultas, emitir guias, gerar protocolos, verificar o andamento de processos, retirar alvarás, e até mesmo redigir petições!



  • Conciliador


O conciliador é o profissional que busca encontrar uma solução pacífica entre as partes. A carreira na conciliação de conflitos, seja ela judicial ou extrajudicial, é mais uma opção que não exige a OAB. Mas atenção: o conciliador e o mediador não são o mesmo profissional, ok?


Além dessas opções, existem uma série de concursos públicos e caminhos acadêmicos que também não exigem a OAB. Quem sabe essas carreiras não ficam para uma parte 2 desse post?


Esperamos ter te ajudado e até a próxima!


Comentarios


bottom of page